Mãe é acusada de matar filho de 6 anos para obter seguro de vida nos EUA - O Gato Laranja

quinta-feira, 8 de abril de 2021

Mãe é acusada de matar filho de 6 anos para obter seguro de vida nos EUA

Ashley Marks foi acusada de matar seu filho com doses letais de metanfetamina e medicamentos. Foto: House Police Department
Uma mãe chamada Ashley Marks, de 25 anos, foi acusada no dia 1º de abril, em Houston, no Texas, de ter matado o filho de 6 anos com doses letais de drogas e medicamentos, com a suposta intenção de lucrar com um seguro de vida da criança. As informações são do portal UOL.

A mulher compareceu a uma audiência diante do Tribunal do Condado de Harris, onde ela foi acusada formalmente, segundo o site Houston Chronicle. Ashley está atualmente detida em uma prisão local, depois de ter sido presa no dia 31 de março.

O suposto homicídio teria ocorrido em junho de 2020, enquanto a vítima, o pequeno Jason Sanchez-Marks, estava hospedado na casa do avô há cerca de dois meses. Ele também estava na companhia da irmã de 4 anos de idade.

As duas crianças contraíram tuberculose e Ashley foi a responsável por medicá-las, dirigindo-se até a casa do avô delas para realizar a tarefa. Porém, ao longo de vários dias, Jason ficou gravemente doente, apresentando vômitos, alucinações e insônia. A irmã dele não teve sintomas, pois se recusava a tomar o remédio oferecido pela mãe.

O garoto de seis anos morreu alguns dias depois, na casa do avô. A morte seria um homicídio pela ingestão de quantidades tóxicas de fármacos sem receita, além de cocaína e metanfetamina, conforme alegado pelo Instituto de Ciências Forenses, do Condado de Harris.

Nesta segunda (5), a mãe da vítima esteve em um nova audiência, onde sua fiança foi estimada no valor de 750 mil dólares — R$ 4,1 milhões —, mas ainda caberá ao estado negar a possibilidade da quantia. Se a acusada responder em liberdade, ela terá que usar um monitor de GPS e não poderá entrar em contato com nenhum menor de 17 anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário